posts recentes
arquivos

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


tags

todas as tags

Quinta-feira, 8 de Abril de 2010
Reunião com os orientadores do projecto YMT de 6 de Abril de 2010

Nesta reunião discutiu-se essencialmente sobre objectivos e fomos alertados no sentido de dedicar mais atenção á nossa calendarização de tarefas. Apresentámos também,  pequenos testes referentes á navegação com um pequeno exemplo da utilização das teclas direccionais do telecomando no simulador. Voltou-se a falar da possibilidade termos o nosso próprio servidor com streaming a correr e do hardware necessário em falta.

Devido ao tamanho final da nossa video-demo tivemos que recorrer a uma versão muito pobre a nível de qualidade para fazer o post no blog. Nesta reunião pudemos apresentar a versão original da demo aos orientadores (a qual estava muito mais legível) e fazer uma análise crítica da mesma. Chegámos à conclusão que apesar das intenções “serem boas” não estamos seguros de que o tipo de navegação apresentado esteja próximo da realidade, no entanto, poderá ser possível arranjar soluções muito próximas ou mesmo outras que satisfaçam os nossos objectivos.

Depois desta análise fez-se um apanhado dos conteúdos que poderiam despoletar maiores dificuldades.



1. o problema do controlo do focus na aplicação. O problema com as teclas direccionais do telecomando é que quando se pressiona uma tecla em qualquer direcção ela seleciona o elemento mais próximo da última posição. Ou seja, independentemente do nível em que nos encontremos temos que encontrar a solução adequada para que estas reconheçam esse nível e naveguem apenas nesse nível, caso contrário selecionarão o objecto mais próximo na direcção desejada independentemente do nível onde se encontra. Especificando, se considerarmos o nivel de topo o menu principal o qual se percorre em 4 cliques, e considerarmos também que dentro de cada item de menu principal existem outras opções (nivel de sub-menu) o telecomando não faz á priori essa distinção e navegará como se de um só nível de profundidade se tratasse.





2. saber exactamente o que queremos fazer com a aplicação para iniciarmos a construção da  nossa base de dados. Existem funcionalidades que pretendemos implementar que ainda não temos a certeza se são passíveis de serem implementadas e também sabemos que enquanto não estiverem definidas não podemos partir para o desenvolvimento da aplicação na sua totalidade nem partir para a execução do próximo milestone. È necessária a afinação dos requisitos e especificações técnicas(navegação, acesso e utilização de webservices e principalmente os objectivos da aplicação)



 


Este post é em nome de todos os elementos do grupo

João elvas | Martim Santos | Renaco Costa | Tiago Figueiredo | Ricardo Carvalho


tags: , , , , , , , ,

publicado por joaoelvas às 00:11